EXPOMONTES: LEILÕES VIRTUAIS GARANTEM BONS NEGÓCIOS

Há mais de um ano os frequentadores de Leilão se desacostumaram com o barulho e o cheiro do gado na hora de comprar o boi, a novilha e os touros. A conversa atravessada de mesa em mesa e o grito do leiloeiro apontando para quem levantava a plaquinha no quem dá mais também deram uma pausa. Todavia, nem por isso o mercado da venda de bois arrefeceu.

O protocolo de distanciamento social acelerou a transição do setor e os leilões foram digitalizados. A mudança do ritual tem se mostrado vantajosa para o setor. No mercado nacional houve um crescimento de 12% em relação ao ano passado segundo o Grupo Superbid, que já atua no setor de Leilões virtuais há cerca de 20 anos.

No Norte de Minas, o grupo CONFBOI em parceria inovadora com a empresa TUDAOVIVO, especializada em transmissão de eventos pela internet também tem explorado os Leilões virtuais desde março do ano passado e o saldo, segundo os envolvidos no negócio tem sido cada vez mais positivo.

O empresário Ailton Souza, diretor da CONFBOI explica que o Leilão virtual é uma realidade que não vai mais sair do mercado pecuário. “Hoje o mercado não está comprando só boi de maneira virtual, praticamente tudo tem sido comercializado pela internet. Nós estamos programando investimentos nas fazendas por que nosso projeto é que não seja necessário sair de lá para que as apresentações virtuais sejam feitas. O comprador terá a possibilidade de assistir ao vivo a apresentação dos lotes e isso pode mesmo interessa-los. Pra Leiloeira, o trabalho aumentou, já que temos que apartar os animais e pesá-los, mas está sendo prazeroso apresenta-los por meio das lives de Leilão e ver a resposta dos produtores do Brasil inteiro no formato de compra e de negócios”, explica.

As primeiras negociações dentro das comemorações da 47ª Exposição Agropecuária de Montes Claros – Expomontes - que também está no formato virtual foi o Leilão de Touros da Fazenda SISAN, que, segundo Ailton, teve praticamente todos os lotes comercializados quase por antecipação em função do melhoramento da genética. “Os animais tem número, a fazenda tem número, a média tem sido de 88% de fertilidade, o que significa que este mesmo percentual de vacas está parindo e dando leite e o mercado já conhece os bezerros. A Fazenda SISAN não tá dando conta nem de vender, resultado do trabalho que foi desenvolvido ao longo destes anos. A nível Brasil, a comercialização dos melhores touros acontece agora. O momento é oportuno para se adquirir genética de ponta”, comenta.

MERCADO LOCAL ACOMPANHA O NACIONAL

Outro detalhe importante no qual a realização do Leilão virtual tem beneficiado o produtor e comprador é o melhoramento genético dos animais. Para Ailton, essa é a prioridade de quem produz animais de venda e o norte de minas tem acompanhado a tendência. "As comodities estão indo bem e o melhoramento genético dos touros é o que todo criador tem que buscar hoje. Por que o mercado paga pela idade, precocidade e pelo acabamento da matéria prima. Então, nós produtores rurais temos que fazer o dever de casa bem feito. Isso começa na compra dos touros, que vão distribuir a genética dentro do rebanho. Isso tem sido feito pelo mercado norte mineiro e os resultados se revertem no volume de negócios, com crescimento de mais de 10 % em relação ao ano passado. Com isso, todas as nossas expectativas devem ser superadas para este ano”, finaliza.

Além do Leilão de Touros, a 47ª Expomontes trará na sua agenda deste ano o

  • LEILÃO DO FUTURO NOVILHO PRECOCE
  • LEILÃO DE TOUROS DA OMJ
  • LEILÃO MATRIZES DO FUTURO
  • LEILÃO BR EMBRIÕES
  • LEILÃO NORTE DA MARCHA
  • LEILÃO CARGA FECHADA
  • LEILÃO GIROLANDO DO NORTE DE MINAS
  • LEILÃO CONFBOI E CONVIDADOS

Todos os eventos serão transmitidos pelo BUSCAQUI.NET

 

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR

Outros Lugares